Divulgação

Como vender ingressos online: as seis melhores práticas da atualidade 18/19

Como vender ingressos online

Como vender ingressos online: as 6 melhores práticas da atualidade.

Como vender ingressos online e ainda obter sucesso na era pré 2020?

Qual organizador de eventos não se frustou ou está frustrado com a sua venda online?

Bom, saiba que o sucesso vai depender também da taxa de conversão do seu website!

Sim, este post vai justamente explorar essa questão da conversão e que talvez nunca ninguém tenha te falado.

Vamos apresentar as seis melhores práticas dos dias atuais para aumentar a taxa de conversão do site de um evento e, claro, falar como vender ingressos online cada vez mais.

Os Eventos e a Internet

Os eventos fazem parte da nossa vida, definitivamente!

Em alguns momentos somos participantes e, em muitos outros, os próprios organizadores e criadores de experiências.

Inclusive, nosso blog já falou sobre os mais de 70 tipos de eventos mais vistos por aí.

O que acontece hoje em dia é que cada vez mais os eventos, de pequenos a grandes, de lançamentos a consolidados, estão utilizando formulários on-line para receber inscrições, confirmações e pagamentos de vendas de ingressos.

Portanto, se você e seu time estão aproveitando as vantagens do mundo online para fazer acontecer seu próximo evento – é preciso compreender um tiquinho mais de como os negócios acontecem na internet.

O Mundo Online

Quem vende pela internet e tem já certa experiência com o meio, não ignora as taxas de conversão de seu site.

Vamos explicar a taxa de conversão!

A taxa de conversão de um site nada mais é do que a razão entre o número de conversões e o total de visitas recebidas.

No mundo online (um bom exemplo são as lojas de e-commerce), conversão é basicamente quando um visitante aterrisa no website e completa uma ação, muito provavelmente uma compra! $$$

Portanto, é isto que estamos querendo explicar: se um evento utiliza formulários online para receber confirmações, vender inscrições ou ingressos é preciso saber qual a taxa de conversão da página e, principalmente, os macetes para aumentar sua conversão e ver mais pedidos entrando.

Afinal, todo mundo que organiza um evento precisa fechar a conta no azul. E, melhorando sua taxa de conversão, você venderá mais e aumentará a receita do evento.

Exemplo de Taxa de Conversão de um evento:

Para maior objetividade, vamos sempre analisar a página do formulário online do evento e um determinado período – ok?

  • A página recebeu 10.000 visitas desde seu lançamento há 30 dias
  • Obteve 250 conversões (= 250 ingressos vendidos ou confirmações) até o presente momento, portanto
  • A taxa de conversão do site do evento é de 2,5%.

Ok?

Agora, imagina se você e sua equipe conseguirem subir a conversão dos atuais 2,5% para….3%, 3,5% ou até mesmo 5%!

Faça as contas e perceba quantos dos visitantes Web ainda podem se tornar participantes do evento 🙂

A Realidade dos Websites 

É mais fácil do que se imagina afastar potenciais participantes do site de um evento, principalmente da página de compras ou confirmação – mesmo quando estão a segundos de completar o processo.

  • Uma em cada quatro pessoas não vai concluir uma compra ou confirmação online, se for necessário criar uma conta como parte do processo.
  • Um em cada dez vai embora a cada passo extra do processo online.
  • Valor da taxa de conveniência revelado apenas no final do processo de compra leva muitos pretensos compradores a fechar a janela do navegador em vez de comprar.

Saiba mais em 3 razões pelas quais as pessoas abandonam seu site sem comprar ingresso

Qualquer um desses erros pode diminuir sua taxa de conversão – ou seja, a percentagem de visitantes da Web que deixam seu site sem completar uma ação. 🙁

A boa notícia é que hoje já é fácil corrigir esses problemas e, naturalmente, aumentar as taxas de conversão do site do seu evento.

Por quê eventos precisam se preocupar com taxa de conversão?

As seis práticas mais utilizadas de como vender ingressos online (e inscrições) e melhorar a conversão:

1. Não force as pessoas a criarem uma conta no site

Isto mesmo! Sabe quando você vai fazer uma compra online e o site pede, antes de qualquer coisa, para você criar uma conta ou lembrar a sua senha de acesso?

Ou, você já selecionou tudo aquilo que deseja comprar, vai lá no botão “Finalizar”, o cartão de crédito tá não mão e, então, vem a mensagem: “Já é cadastrado?” #irritamuito

Nossa! Quantas vezes você já não desistiu, retardou a compra ou ficou desanimado com essa situação?

Exigir que futuros participantes de seu próximo evento criem um login ou façam cadastro em seu site – ou escolher um fornecedor que utiliza essa prática – pode  custar-lhe um bom número de potenciais participantes perdidos 🙁

Estudo da consultoria em tecnologia da informação, Nielsen Norman Group, revela que há um perfil de comprador on-line que desiste da compra ao ter que criar uma nova conta de usuário.

2. Ofereça aos participantes todas as informações essenciais na própria página do evento

Se os potenciais frequentadores de seu evento precisam fazer uma pesquisa no Google para descobrir mais informações, mesmo estando no website do evento…bom, muitos vão se distrair e esquecer de comprar o ingresso ou a inscrição.

Pedir aos visitantes do seu site que cliquem em um link diferente para serem direcionados a um outro site (de inscrição ou emissão de ingressos) para poder completar a compra pode disparar aquele efeito desanimador.

Traga a informação e o processo de registro ou compra para a frente de seus participantes. Sim, coloque tudo na cara do seu participante e não faça com que ele clique aqui e acolá para conseguir aquilo que procura.

A página do seu evento deve incluir de forma clara:

  • o endereço,
  • a data e
  • quem estará presente (artistas, palestrantes, marcas importantes…).

Nessa mesma página, também deve estar descrito:

  • as opções de transporte público,
  • estacionamentos ao redor,
  • os hotéis mais procurados ou próximos e
  • dicas como sugestão de trajes, objetos proibidos, o que levar e etc.

E, naturalmente, o botão “Confirme Sua Presença”, “Comprar Ingressos” ou “Quero me Inscrever” a todo momento “grudado” na tela do internauta. Não importando em qual parte ele está do seu site ou da página.

Criar um site de evento que apresenta um resumo bem legal de tudo aquilo que os participantes precisam saber e em um só lugar, gera-se um ambiente propício para que eles possam tomar a decisão da compra ou confirmação de forma mais amigável e rápida.

Se você estiver usando a Eventbrite e já tiver um site próprio, saiba que é possível incorporar o hotsite (a página de compras da Eventbrite) ao website oficial do evento.

Em poucas palavras: para entender como vender ingressos online ou receber inscrições diretamente em seu site ou blog, a Eventbrite tem integrações para fazer isso acontecer. Veja aqui como fazer.

3. Insira imagens e vídeos para dar vida ao site do evento

As pessoas também gostam de saber como seu evento será e como se parece.

Na verdade, os dois primeiros lugares que as pessoas vão depois de olhar o website do evento são o YouTube e o Google Imagens.

Impeça que os visitantes do seu site pulem para esses outros sites (vai que, de repente, eles se esqueçam de realizar a compra naquele exato momento), incorporando fotos e vídeos à página do evento.

Escolha as fotos e os vídeos que representam de forma mais favorável seu evento, como:

  • a vibração e energia do público,
  • as roupas usadas e
  • o layout e cenário do local.

Depois, certifique-se de ter fotos profissionais e vídeos, todos de alta qualidade, que mostram o melhor do seu evento para fazer a melhor impressão.

Talvez você queira baixar o e-book O Guia Indispensável para Fotografia de Eventos

4. Use a prova social para permitir que os fãs do seu evento o promovam

Outra maneira de dar os visitantes do seu website mais confiança na compra online é incluir depoimentos de participantes de edições passadas.

#Dica:
Uma grande fonte para encontrar esses depoimentos são as mensagens publicadas nas redes sociais que utilizaram a hashtag do seu evento.

Se você souber usar bem as #, vai conseguir tirar proveito: Use as # e divulgue seu evento para o mundo

Depoimentos fornecem valor e são a prova social sobre o que novos participantes podem esperar, a partir da visão e experiência de outros.

Se você estiver usando a Eventbrite para vender seu próximo evento, saiba que o destaque de quais amigos do Facebook já estão inscritos no evento funciona também como prova social.

5. Simplifique o processo final de confirmação

O processo final, seja a compra online de um ingresso ou a confirmação da participação no evento, precisa ser simplificado e sem obstáculos que possam prejudicar a tão sonhada taxa de conversão.

Cada passo adicional no processo final leva a uma diminuição no número de registros completos.

Segundo notícia do site Moz (referência no mercado de softwares para otimização de websites) e traduzida para o português pelo IMasters, ter um CAPTCHA está matando sua taxa de conversão. Isso significa que ao desligar barreiras entre você e seus futuros participantes, sua taxa de conversão pode aumentar em até 3,2%.

Então, pense sobre quais passos são essenciais e indispensáveis e quais são totalmente dispensáveis do seu processo atual.

Uma boa sacada, caso já tenha um processo em curso, é você mesmo se inscrever para sua conferência ou comprar ingresso do seu festival. Vai lá e coloque-se no lugar do visitante da Web.

Você, realmente, precisa saber o tamanho exato da camiseta que entregará ao seu participante ou conhecer as restrições alimentares de cada um?

Você precisa perguntar como eles descobriram seu evento?

Hoje em dia não mais! Com o Google Analytics, URLs parametrizadas ou links de rastreamento e o completo relatório da Eventbrite, organizadores de eventos contam com essas informações t-o-d-o-s o-s d-i-a-s, a q-u-a-l-q-u-e-r h-o-r-a 🙂

Analise bem: será que há perguntas que possam ser feitas em uma pesquisa pós-evento? Pense e verá que poderá realmente desligar algumas barreiras entre seu evento e futuros participantes lá no website.

Eliminando as perguntas em excesso, você estará facilitando que mais visitantes da Web (aqueles que chegaram ao site do seu evento de diferentes formas e canais) transformem-se em participantes inscritos em um curto espaço de tempo. $$$

Leitura recomendada para entender melhor o que estamos falando nesse item 5 e no item 6 que está a seguir: A verdade chocante sobre a venda de tickets via celular – parte 1

6. Torne o site do evento amigável para dispositivos móveis

Mais de 50% das pesquisas no Google são feitas pelo celular e mais de 1 bilhão de pessoas usam o Facebook em dispositivos móveis.

Isso fica ainda mais evidente, se você estiver anunciando seu evento em redes sociais como o Facebook e Instagram. É bem provável que a maioria da audiência de seu anúncio esteja no celular no momento do impacto.

Se também estiver fazendo campanhas de e-mail marketing para vender ingressos ou obter confirmações, teremos também mais uma situação na qual as pessoas fazem uso de seus aparelhos de celular para verificar mensagens de e-mails.

Portanto, não adie a decisão de tornar o site do seu evento e também a página de compras (a de finalização ou hotsite) amigável para dispositivos móveis.

Se você está investindo parte do seu orçamento de promoção e divulgação em tráfego que vem dos dispositivos móveis para então oferecer uma experiência aquém do esperado…bom, você está simplesmente gastando seu dinheiro 🙁

“Não sei dizer qual é a experiência do visitante em meu site.”

Felizmente, há no mercado algumas ferramentas gratuitas que te ajudam a entender como anda seu website atual em relação às telinhas (nossos amados dispositivos móveis).

Apenas o Google (sim, o nosso Google de todos os dias) possui duas ferramentas complementares para você fazer um teste agora mesmo:

Saiba como acelerar seu site e reter mais visitantes da Web para melhorar taxa de conversão. O site do exemplo acima tem uma perda estimada de 26% de visitantes, segundo o Google.

Um último dado importante e muito bem lembrado pelo senhor Google é que se cada vez mais os celulares estão sendo usados no lugar de computadores de mesa, portanto as pessoas estão  navegando mais e mais tempo em conexões 3G ou de velocidades ainda menores.

Daí a importância do tempo que sua página leva para carregar!

Para concluir sua leitura de como vender ingressos online

Tente seguir essas orientações simples para entender e sentir a diferença entre pageviews somente e venda on-line de ingressos ou inscrições.

Anote o estado atual do seu site em relação ao seguintes pontos:

  • visualizações de página;
  • ingressos vendidos (ou inscrições recebidas) e
  • taxa de conversão: ingressos vendidos ÷ visualizações de página x 100

Implemente pelo menos uma das seis maneiras para melhorar sua taxa de conversão durante 15 dias, por exemplo.

Volte para seu site (agora com pelo menos um ponto otimizado) e faça a conta da conversão novamente!

Aumentou a taxa de conversão? Bom, agora imagina colocando em prática um segundo exemplo deste post!

Não funcionou? Pode ser que você precise ir testando uma coisa por vez até perceber qual melhoria ou otimização é a mais adequada para o site do seu evento e seus visitantes. Não desanime porque no mundo da internet é assim mesmo, nem tudo funciona logo de primeira.

Tá pensando rápido….??! Imagina se o site do seu evento receber mais visualizações de página (mais tráfego) agora que a taxa de conversão aumentou? Vem post novo por aí para falarmos de como levar mais tráfego para o website do seu evento. Que tal?

Agora que você já entendeu porque eventos precisam fica de olho nas taxas de conversão do website e as seis práticas da atualidade para melhorá-las, talvez goste de ler mais…

Quer saber mais sobre site de eventos e como vender ingressos online?

Para você ver que o website de um evento não pode ser tratado como brincadeira, mas sim como um assunto muito sério (afinal, é o ponto de partida do ciclo de interações entre o evento e o participante), nosso blog já falou e muito sobre o assunto.

Confira em:

Como construir um site profissional para seu evento?
Post ideal para eventos que já detêm uma marca forte, porém precisam de um endereço (uma url) e páginas marcantes em um piscar de olhos.

Crie uma página de evento atrativa e venda mais ingressos
Boa informação para eventos que estão com o planejamento e cronograma atrasados ou que precisam começar a vender ingressou e receber inscrições ontem, não mais hoje.

3 razões pelas quais as pessoas abandonam a compra on-line do seu evento
Para você que sempre fala “meu evento não vende on-line”. Será que seu site tá com tudo certinho para estimular a venda on-line?
Leia o post e veja novamente, porém em outras palavras, como vender ingressos online.

O que as pessoas fazem ao abrir o seu hotsite de eventos?
Você já se colocou no lugar do visitante do website e participante do seu evento para entender o quão difícil as informações estão disponíveis no site do evento.

Está organizando o seu próximo evento? Conheça a Eventbrite!

Escrito por

Olá, eu sou a Andrea Prandini e trabalho com eventos há muito tempo! Meu objetivo neste blog, como Demand Generation Manager, é mostrar aos organizadores como a Eventbrite pode facilitar suas vidas e melhorar seus eventos.

Fazer comentários