Planejar e organizar um evento é emocionante, e tudo começa com a configuração da página de venda de ingressos, mas mesmo a tecnologia mais intuitiva pode ser um pouco confusa no início. Fazer escolhas sobre como configurar o seu evento pode gerar uma sensação de incerteza, mas não deixe que isto aconteça! O evento que você sonha está a alguns passos de você. Para torná-lo ativo e começar a vender ingressos em poucos minutos, ficam aqui algumas dicas:

Primeiro, prepare as suas informações básicas:

Um bom chef faz sempre um trabalho de preparação para facilitar a execução de uma receita. Os organizadores de eventos também podem fazer o seu mise en place (do francês, que significa “pôr em ordem”) antes de criar seu evento na Eventbrite. Isso significa ter algumas informações básicas à mão:

  • Nome do evento: por mais óbvio que pareça, sempre ajuda anotá-lo. Para começar, o nome do seu evento não deve exceder  75 caracteres. Caso o seu evento tenha um nome mais longo, procure uma versão resumida.
  • Tipo e categoria do evento: está organizando uma festa de música eletrônica? Um workshop de artesanato? Um almoço para pequenas empresas? Definir o tipo de evento ajuda a definir o público alvo, o que por sua vez, ajuda que os participantes o encontrem.
  • Data e local do evento: pode ser presencial ou on-line e, caso você não tenha certeza, pode sempre dizer “Local será anunciado em breve”. Às vezes, um pouco de mistério pode ser uma boa publicidade!
  • Descrição do evento: uma descrição clara, concisa e com muitas palavras-chave é essencial para o seu evento chegar às pessoas certas. Se o seu evento for público, essa descrição aparecerá nos resultados de pesquisa do Google, da Eventbrite e outros, dando aos possíveis participantes uma rápida ideia sobre o seu evento.

Depois de definir as informações básicas, você está pronto para começar a criar seu evento. Para otimizar a sua experiência, aqui estão as quatro principais perguntas que os organizadores de eventos costumam fazer no processo de criação de evento, e suas respostas.

FAQ #1: Qual o melhor tipo de ingresso para o meu evento?

Ao clicar em “Criar Ingressos”, você terá a opção de adicionar diferentes tipos de ingressos (gratuitos, pagos ou doações) na página do seu evento. Veja como e porquê usar cada opção:

  • Ingressos Gratuitos: se você não quer cobrar pelos ingressos, mas deseja que os participantes se inscrevam, esta é a melhor opção. Capte informações dos participantes para organizar melhor o seu evento e utilize os dados para futuras ações de marketing. Lembre-se de ativar as “Vendas on-line” para que os participantes possam confirmar a presença na página do evento.
  • Ingressos Pagos: você pode configurar mais do que um tipo de ingresso para o mesmo evento. Por exemplo, você pode considerar oferecer admissão geral em vez de lugares marcados, ou um ingresso de vários dias em vez de um ingresso diário. Também é comum que os eventos tenham preços de pré-venda ou códigos de desconto para alguns participantes. Disponibilizar vários tipos de ingresso pode trazer vários benefícios. Aos participantes, oferece a opção de otimizar a sua experiência. E assim pode aumentar potencialmente a sua receita, principalmente se fizer um upgrade dos ingressos para VIP e similares. 
  • Ingressos de Doação: dá aos participantes a opção de pagar uma quantia de sua escolha, em vez de ter um preço fixo para o ingresso.

É importante saber que tipo de ingresso configurar, e também escolher o número certo de ingressos a serem vendidos.

Dica pro: Os membros do plano Eventbrite Professional podem adicionar tipos ilimitados de ingressos a qualquer evento.

FAQ #2: Como definir a capacidade do meu evento?

Neste momento, pode ser difícil imaginar que o seu evento vá esgotar, mas não subestime a magia do que você tem para oferecer. Mas se o local do seu evento puder apenas comportar um número limitado de participantes – ou se, por qualquer motivo, você quiser estabelecer um número de participantes – será necessário definir uma capacidade máxima.

No processo de criação, a capacidade do evento é determinada pelo número de ingressos disponíveis. Se você oferecer só um tipo de ingresso, por exemplo, e definir a quantidade em 100, a capacidade do evento será 100. À medida em que você adicionar mais tipos de ingresso, a capacidade do seu evento aumenta. Quando terminar de adicionar seus ingressos, aparecerá a capacidade total do seu evento.

FAQ #3: Devo repassar ou assumir as taxas?

Cobrar taxas é comum no setor de eventos. Os participantes estão habituados a vê-las incluídas nos seus ingressos. Mas com a Eventbrite, você pode optar por assumir essas taxas ou repassá-las aos seus participantes. 

Ao estabelecer o preço do ingresso, será exibida a opção “Quero assumir a taxa e não repassar ao comprador”. Se você não selecionar esta opção, o participante paga a taxa além do preço do ingresso.

 Quando você a seleciona, a taxa será absorvida por você e não repassada ao participante.

Se quiser entender detalhadamente a cobrança da taxa de acordo com o que você escolher, clique em “ver detalhes” e observe o custo final para o comprador e o valor que você receberá.

FAQ #4: Estou com pressa, posso ignorar alguns destes passos?

Claro! Quanto mais cedo você terminar o processo de criação do evento, mais cedo começará a vender ingressos. Mais tarde, você pode adicionar mais detalhes e design à sua página de evento, ou configurar um perfil de Organizador.

Outros dados que pode configurar agora ou atualizar mais tarde:

  • Dados do local do evento
  • Perfil de organizador
  • Lista de espera do evento
  • Códigos de desconto ou acesso

Só garanta que você vai seguir estes passos:

  • Resumo do seu evento, descrição e imagem
  • Formulário do pedido e confirmação do pedido
  • Política de reembolso e transferência de ingressos
  • Opções de pagamento e reembolso
  • Publicar o seu evento 😉

Faça mais com a Eventbrite

Sabia que a Eventbrite faz mais do que emitir ingressos? Para saber todas as possibilidades para o seu evento, veja o Manual de Criação de Eventos da Eventbrite.