Em um mundo hiperconectado, o e-mail oferece às pessoas e às marcas uma chance de captar novos clientes e manter contato com os existentes. Mas com um emaranhado de 269 bilhões de e-mails sendo enviados todos os dias no mundo, o que é preciso para chamar a atenção e fazer com que as pessoas cliquem no seu ao abrirem suas caixas de entrada? Você sabe como montar um e-mail marketing?

Como os organizadores de eventos podem aumentar as taxas de abertura e de cliques? E que lições eles podem aprender no mundo do marketing? Conversamos com alguns especialistas em eventos e em marketing para descobrir. Confira!

Como montar um e-mail marketing?

Aposte nos emojis 😉

Popular nos aplicativos de mensagens instantâneas, os emojis agora são usados ​​regularmente nas comunicações das grandes marcas. E um estudo realizado recentemente e divulgado pelo Hubspot explica o porquê: essa pode ser uma maneira poderosa de transmitir uma mensagem ao público, de maneira descontraída, próxima e simpática.

De acordo com os resultados da pesquisa, as mensagens contendo emojis foram consideradas mais memoráveis ​​do que as mensagens sem. Então, se você procura ser lembrado, considere utilizar um ícone colorido e/ou divertido, que represente a sua mensagem. (E parece que o emoji de polvo é o que mais estimula os cliques. Quem aí sabia disso?) 🐙

“É sempre interessante combinar o assunto do seu e-mail com um Emoji, quando possível. Se você combinar o texto correto, um emoji chamativo e uma oferta atraente, uma taxa de abertura de 40% estará ao seu alcance”, indica Yuri Valdevite, Especialista de Marketing Digital da Eventbrite Brasil.

Faça uma pergunta

Para Milly Preston, chefe de marketing da Leaders in Sport, encorajar seu público de executivos a tomar conhecimento sobre o conteúdo dos e-mails é uma questão de diferenciação. E isso muitas vezes pode ser alcançado usando um tom ou uma abordagem que seu público talvez não espere da marca Leaders in Sport – essa abordagem é: fazer perguntas.

“Enviamos um e-mail com o assunto:” Você está procurando ‘A pessoa’?” no Dia dos Namorados e tivemos uma taxa de abertura de 25,8%. Eu acho que funcionou bem porque é uma pergunta, é intrigante, e é oportuno: nós definitivamente vemos melhores taxas de abertura quando abrimos um diálogo com as pessoas. Eu também acho que o público não estava esperando esse tipo de mensagem de nossa parte, o que surpreendeu”, explica Milly Preston, chefe de marketing da Leaders in Sport.

Chegue ao ponto

Com nossas caixas de entrada sempre lotadas de e-mails, adotar uma abordagem direta e um assunto interessante, que chame a atenção, pode render melhores resultados. Afinal de contas, há uma linha tênue entre curiosidade e o interesse: se você não se empenhar para criar um assunto de e-mail interessante, há uma boa chance de seus destinatários simplesmente passarem reto por seus e-mails, sem abri-los.

“Recentemente, enviei um e-mail com o assunto” Está procurando por um treinamento prático sobre o Facebook? “A taxa de abertura foi de 31,2% e o que funcionou foi o fato de que é claro e direto ao ponto. Eu usei “está procurando”, “prático” e “Facebook” para que o meu público saiba o que esperar do meu evento. O próximo e-mail transmitirá um senso de urgência para que as pessoas façam suas inscrições”, conta Louise Brogan, instrutora e consultora de mídias sociais na Social Bee NI

Leia também: O que é Pixel de Rastreamento?

Não se leve muito a sério

Você é a pessoa que melhor conhece a personalidade de sua marca do que qualquer outra, e se o seu evento aborda assuntos mais sérios, como organizar eventos sobre segurança contra incêndios ou policiamento, pode ser que a abordagem mais leve de um assunto de e-mail não funcione. Mas se o humor estiver alinhado com suas diretrizes de marca e tom de voz, talvez valha a pena explorá-lo.

“Nós nos concentramos em criar assuntos peculiares para gerar curiosidade e aumentar as taxas de abertura. Recentemente, usamos ‘Me amarre’ como assunto. Apesar de o e-mail ser sobre o tema controverso dos dress codes  em eventos, o assunto soava relacionado ao filme Cinquenta Tons de Cinza. Então, coloque-se no lugar do público. O que chamaria a sua atenção em uma ocupada tarde de quinta-feira? Que tipo de referência faria um e-mail se destacar em sua caixa de entrada? Acho que fizemos um bom trabalho com esse aqui”, exemplifica Sam Spillane, fundador da SJ Event Consultancy.

Se destaque e use o Preview Text

Se você deseja entusiasmar as pessoas no pré-evento, incentivar os possíveis participantes a fazer sua inscrição ou a comprar um ingresso, verifique se você está entregando as informações necessárias para que isso aconteça. Isso não significa bombardeá-los com conteúdos desnecessários – e sim ser econômico, porém relevante em suas comunicações.

Escolha as palavras certas e lembre-se sempre de que menos é mais! O espaço para os assuntos de e-mail são pequenos. Geralmente você tem até 150 caracteres para resumir o que é o seu evento de uma forma relevante, criativa e atrativa. Ufa! Parece muita coisa não é? Mas pense que esse esforço pode valer muito a pena. Esse é o primeiro contato das pessoas com a sua empresa, marca ou evento. Então capriche.

Preview Text

Você também pode explorar o “preview text”, que é uma visualização do assunto que será entregue para a pessoa, é uma dica do que há no e-mail e também mais uma oportunidade de você chamar a atenção no meio de uma caixa de entrada lotada.

Também com o máximo de 150 caracteres, você pode adicionar uma frase que complementa o assunto do e-mail e também usar emojis. Você pode brincar com o campo de assunto de e-mail e preview text, por exemplo:

Assunto do e-mail: A oportunidade da sua vida pode….

Preview text: estar a um clique de distância! Saiba como melhorar…

Isso gera curiosidade e a pessoa com certeza vai querer clicar e saber qual é a oportunidade da sua vida e o que pode melhorar ao clicar em seu e-mail.