Promoção e divulgação online de eventos: tudo aqui organizado para você entender melhor como funciona. 

Seu show, gig ou festa vende ingressos que nem água?

Sua conferência, encontro anual ou curso vende inscrições logo de cara?

As chances são altas que seu evento seja apenas mais um entre os milhares que não se vendem sozinhos 🙁

Apesar de todo mundo já saber que as pessoas estão buscando e participando cada vez mais de eventos; a dita preferência por experiências ao vivo ao invés de bens materiais (comportamento encontrado nos Millennials, populares também como Geração Y), não garante a casa cheia 🙁

Se você está entre aqueles que sempre afirmam “Meu evento não vende.”, vamos analisar juntos o Ciclo do Marketing Digital?

Para saber como ativar a promoção e divulgação online de seu próximo evento de música, negócios ou educação, a gente escreveu para você a receita de sucesso do marketing digital da era pós-facebook 🙂

Role sua tela para baixo para entender como fazer funcionar a promoção e divulgação de eventos:

#1 Defina metas e objetivos

Escreva o principal objetivo da divulgação online do seu evento.

  1. Exemplo:
    Fazer com que a página de vendas do evento tenha 500 views por dia, durante três meses consecutivos.
  2. Exemplo:
    Vender online 100 ingressos ou R$ 10mil até 10 dias antes da realização do evento.

Com base em um objetivo como esse, você já consegue estimar o saldo para fechar as vendas no azul e se vai precisar ainda contar com as vendas off-line (pontos físicos e porta) no período pré-evento.

#DICA da Eventbrite:
A sacada é ficar restrito a não mais do que dois objetivos, pois você vai precisar ter foco para alcançar aquilo que traçou.

#2 CONHEÇA seus participantes

Faça uma pesquisa (mesmo que informal), converse com algumas pessoas e observe o comportamento do público em eventos similares ao seu. 

A gente sempre acha que conhece bem nosso público, mas este pode ser nosso maior equívoco. Será que você está cometendo esse erro?

#DICA da Eventbrite:
Mais do que simplesmente definir o público-alvo, tente desvendar o que seu potencial participante deseja vivenciar em um evento com o seu. Use o Gerador de Personas (ferramenta gratuita) para te auxiliar nessa tarefa: link aqui

 #3 ANALISE o mercado

Qual estratégia aquele evento que você admira usa para marcar presença no mundo digital?

Tente entender o que de fato está atrás de cada mensagem veiculada na internet.

Faça uma lista dos canais utilizados. Facebook? Email?…??

#4 ESTABELEÇA papéis na equipe

Assim como já deve acontecer uma divisão quase que natural de responsabilidades entre os sócios de seu evento de música ou retiro espiritual, a divulgação online de um evento também pode ser setorizada.

Estabeleça tarefas de acordo com habilidades e interesses – como: fechamento de parcerias (com promotores e veículos de mídia – blogs, sites e fanpages), tom e redação das mensagens, publicação nas redes sociais, medição e análise dos resultados…

Para equipes enxutas, por que não experimentar contratar freelas por meio de nota fiscal ou até mesmo por uma plataforma.

Veja o que estão falando sobre 11 sites confiáveis para contratar freelancers.

#5 IDENTIFIQUE as palavras-chaves

Antes de qualquer compra on-line ou off-line, quase todo mundo faz uma pesquisa no Google…ou vai me dizer que você não faz?

Coloque-se no lugar do seu público-alvo e imagine como uma pessoa faria uma busca na internet por uma festa de ano novo em algum lugar do Nordeste – para vai, é este o seu evento?!

Mas, os organizadores de eventos enfrentam um desafio único: um evento acontece em um determinado hora e lugar. Para classificar localmente um evento oportuno, você precisa de SEO local.

Por exemplo, uma pessoa que procura um show em Santos provavelmente não estará interessada em eventos semelhantes acontecendo em Vitória. Então, o Google irá filtrar eventos que acontecem fora da área de Vitória.

Você deve encontrar muitas receitas de sucesso sobre SEO na web, inclusive nós também já falamos sobre SEO para Eventos: como colocar seu site no topo das buscas

#6 SELECIONE as redes sociais e plataformas

Não somente as famosas como Facebook e Instagram podem ajudar a colocar seu evento na frente de mais pessoas, mas também o que podemos chamar em português de ‘plataformas de descoberta’.

As plataformas de descoberta podem ser que venham a ser maior tendência do mercado da música, então vale a pena fica de olho em sites como: Spotify, Bandsintown e Songkick.

Se você ajudar seus futuros participantes a descobrirem seu evento em sites que eles confiam e acham cool, eles irão comprar um ingresso seu de forma mais confiante. 

#DICA da Eventbrite:
Se optar também pela publicidade online como anúncios pagos no Facebook e Google para divulgar seus eventos, use pixels de rastreamento para entender o impacto das plataformas escolhidas no plano de promoção e venda de ingressos. Ok?

#7 ADOTE o marketing de conteúdo

Faça diferente da maioria esmagadora de produtores!

Não pule, nem desista do marketing de conteúdo para promover online seus eventos.

O marketing de conteúdo tem a ver com: entrevistas, vídeos, podcasts, infográficos e muitos outros formatos que abordam temas relacionados ao seu evento, mas não necessariamente e unicamente sobre seu evento. Tá ok?

#DICA da Eventbrite
Postar no LinkedIn Pulse ou Medium poder ser uma forma rápida de publicar conteúdos de diferentes formatos como infográficos e entrevistas em suas redes e sem a necessidade de ter um blog próprio. 

O mais importante da estratégia de marketing de conteúdo é a construção da sua autoridade sobre um assunto. Se não há mais ninguém na internet falando e ensinando sobre o assunto do seu evento, você sem dúvida será sempre lembrado como referência.

E é justamente isso que se chama autoridade!

Depois, o ideal é que sempre você consiga levar o leitor de seus conteúdos para a sua página de compras de ingressos ou inscrições através de um link.

Leitura relacionada: 
Marketing de conteúdo para eventos: como e por que fazer?

#8 CONSIDERE o mobile marketing

Mobile de celular em inglês? Sim, exatamente isso!

Considere aproveitar a efetividade do celular na promoção e, consequentemente, na venda online de seus eventos.

Páginas responsivas e pensadas para navegação nos smartphones são totalmente diferentes de websites simplesmente adaptados para o celular.

Nada daquela história de ficar ampliando a imagem no celular e jogando a tela para lá e para cá! A experiência de confirmação em um evento – usando o celular – precisa ser rápida e sem obstáculos para quem está do outro lado da telinha.

Escolha parceiros e plataformas também capazes de entregar uma grande experiência para aqueles seus participantes que vivem no celular! #todomundoneh

#9 ESCREVA sempre para seu público

Não importa o que você possa ter ouvido, o email não está morto!

Lembre-se: seus participantes provavelmente forneceram seus endereços de e-mail quando compraram um ingresso (ou inscrição) para aquele seu evento.

Portanto, o canal email é perfeito para engajar novamente seus participantes de eventos anteriores.

Com uma estratégia simples de e-mail marketing, você consegue um alcance extra e uma excelente taxa de retorno ($$).

Dê uma olha nisto aqui:
Como começar no MailChimp: a melhor ferramenta de e-mail marketing para promover qualquer tipo de evento.

#10 MEÇA seu esforço

No mundo online, vence aquele que souber medir seus esforços e corrigir rotas antes de uma catástrofe.

Uns viram os loucos dos gráficos e acabam acompanhando suas métricas de hora em hora.

Outros, acabam não dando muita importância à taxa de abertura de uma mensagem de email.

Você não precisa ser o louco nem o sossegado, mas precisa aprender e ficar de olho no que seus dados podem estar querendo dizer.

Veja só:

  • Meus emails funcionam melhor se eu enviar para 
    listas menores e mais direcionadas?
  • Aquele anúncio pago no Facebook realmente gerou 
    vendas de ingressos ou inscrições?
  • Qual é o tráfego que a página do meu evento 
    recebe semanalmente ou logo após o 
    lançamento de uma determinada promoção? 
    E o quanto esse tráfego impacta a geração 
    de receita (= venda!)?
  • Qual é o promotor ou parceiro que está gerando 
    mais vendas online?

Estabeleça uma rotina diária ou, no mínimo, semanal de medição de resultados, correções e ajustes de seu plano para fazer suas vendas online atingirem o TOPO 🙂