Quer descobrir o que os participantes acharam do seu evento? É para isso que serve a pesquisa de satisfação pós-evento.

O velho ditado “não há perguntas ruins” não se aplica a pesquisas. Na verdade, os dados coletados são tão bons quanto as perguntas da pesquisa você faz. As perguntas certas ajudam você a fazer mudanças graduais, desde pequenos ajustes (como um novo bufê) a pontos mais críticos (como transformar seu jantar em uma festa).

As perguntas erradas transformam sua pesquisa de satisfação pós-evento em apenas mais uma tarefa tediosa e ineficaz na sua lista de tarefas.

Com base nos dados da SurveyMonkey de milhares de empresas, aqui estão as cinco principais perguntas de pesquisa pós-evento que os organizadores devem fazer.

Compare o que você está usando com o mercado para ajustar e tornar mais eficaz a sua pesquisa de satisfação pós-eventos.

1. No geral, como você classificaria o evento?

Essa “abertura fria” define o tom da sua pesquisa perguntando sem rodeios aos participantes se eles gostaram do seu evento. Depois de medir a satisfação geral, você pode procurar respostas mais aprofundadas.

Compare seu desempenho

Aqui estão as respostas médias do mercado:

  • 45% “excelente”
  • 37% “muito bom”
  • 13% “bom”
  • 4% “justo”
  • 1% “ruim”

Atue sobre o feedback

Se pelo menos 45% dos seus entrevistados marcam “excelente”, você é mediano. Mas se os seus números são menos encorajadores (ou se você quer ser melhor que a média), tem trabalho a fazer. As respostas para o restante das perguntas ajudarão você a obter um feedback específico.

2. Qual a probabilidade de você recomendar o evento a um amigo?

Extremamente provável                                                                                                         Extremamente improvável

10 9 8 7 6 5 4 3 2 1 0

A resposta a esta pergunta lhe dará seu Net Promoter Score™ (NPS), uma medida comum da indústria para satisfação do cliente. Esta escala divide seus participantes em três campos: detratores (6 ou abaixo), passivos (7 ou 8) e promotores (9 ou 10).

Os promotores são as pessoas que recomendarão seu evento aos amigos. Já os detratores, são aqueles que podem falar mal do seu evento. O resultado da NPS é, justamente, a diferença entre o seu percentual de promotores e detratores.

Compare seu desempenho

A maioria dos eventos tem uma pontuação geral de NPS de 53. Isso se divide em:

  • 64% promotores
  • 26% passivos
  • 11% detratores

Atue sobre o feedback

Seu NPS é uma maneira útil de avaliar como seu evento se compara a outros eventos. Mas é ainda mais útil para comparar o seu evento ao longo do tempo. Você está melhorando? Ou permanece no mesmo nível?

Use a ferramenta gratuita do SurveyMonkey para calcular seu NPS.

3. O evento foi muito longo, muito curto ou na medida certa?

Às vezes, as pessoas amam seu evento – nas primeiras duas horas. Então eles ficam entediados e seu entusiasmo diminui. Ou eles estão apenas começando a ficar animados, e logo o evento acaba. A duração do seu evento pode ter um grande impacto na satisfação geral.

Compare seu desempenho

De acordo com os dados da SurveyMonkey:

  • 81% dos participantes da pesquisa de evento costumam dizer que a duração do evento está correta
  • 8% dizem que foi muito curto
  • 8% dizem que foi muito longo

Atue sobre o feedback

Se mais de 8% de seus entrevistados afirmarem que o evento foi muito longo ou muito curto, é um sinal de que você precisa reavaliar sua programação.

4. O quão organizado foi o evento?

Há muitas razões pelas quais os participantes podem achar o seu evento “não tão organizado” ou “nada organizado”. Talvez a equipe de bilheteria tenha demorado para encontrar seus ingressos. Ou a sinalização do evento foi ruim, causando uma experiência confusa.

Compare seu desempenho

Normalmente, segundo a SurveyMonkey, os participantes relatam que um evento foi:

  • 37% extremamente organizado
  • 50% muito organizado
  • 11% pouco organizado
  • Menos de 2% não muito/nada organizado 

Atue sobre o feedback

Eles não tiveram a melhor experiência… e é seu trabalho descobrir o porquê.

As perguntas condicionais permitem que você faça perguntas encadeadas para os entrevistados, dependendo de suas respostas. Para aqueles que respondem “não tão organizados” ou “nada organizados”, considere uma pergunta condicional: “Por quê?”.

5. A equipe foi amigável e útil?

De muitas maneiras, sua equipe é a marca do seu evento. A forma como sua equipe se relaciona com os participantes determina como os participantes enxergam todo o evento. Uma interação negativa com um funcionário não profissional pode denegrir a experiência do participante, a opinião sobre o evento e a vontade de voltar na próxima edição.

Isso não se aplica apenas a funcionários pagos, mas também a voluntários, fornecedores e entretenimento.

Dica: evite a tentação de resumir várias perguntas relacionadas à equipe em uma só pergunta. Por exemplo:

“quão útil e amigável foi a equipe?”

É perfeitamente possível que os membros da equipe sejam úteis, mas grosseiros. Ou amigáveis, mas não úteis.

Compare seu desempenho

Em média, os participantes avaliam funcionários como:

  • 57-63% extremamente amigáveis ​​ou prestativos
  • 31-34% muito simpáticos ou prestativos
  • Menos de 8% dão pior classificação

Atue sobre o feedback

Se a sua pesquisa de satisfação pós-evento revelar avaliações comparativamente baixas, é hora de rever suas práticas de contratação e treinamento. Confira: Capacitação de equipe para um evento.

Eleve as pesquisas do seu evento ao próximo nível!

Saiba mais sobre seus participantes com a integração da Eventbrite e SurveyMonkey.