Pré-evento

8 dicas para você organizar a festa de fim de ano ideal para sua empresa

festa fim de ano empresa

Post atualizado em novembro de 2017

O ano foi repleto de desafios, seu time cumpriu as metas, atingiu os objetivos e agora quer comemorar ao lado de outros colegas de trabalho, correto? Ou melhor, na festa de fim de ano da empresa!

Assim como qualquer evento, organizar uma festa de fim de ano empresarial demanda planejamento e esforços coletivos.

Mais do que isso, uma festa de fim de ano corporativa ideal é aquela que o funcionário vai motivado e não por obrigação. Mas como tornar sua festa de fim de ano um evento realmente estimulante?

A seguir, separamos oito dicas para você realizar uma festa de fim de ano empresarial inesquecível!

 1. Número de participantes e inscrições

O passo inicial é estimar o tamanho de sua festa. Será um evento para 100, 400 ou 4.000 pessoas? O número de participantes irá impactar diretamente no orçamento do seu evento, influenciando na escolha do espaço, na contratação do buffet, bebidas etc. O ideal aqui é, além de estimar, gerenciar com exatidão o número de presentes.

Para isso, você pode criar um evento grátis na Eventbrite, enviar convites para os colaboradores de sua empresa e pedir a eles que se cadastrem. Dessa forma, você consegue gerenciar o número de participantes, evitando estimativas acima ou abaixo do esperado. Você ainda dispensa o uso do crachá empresarial para check-in na entrada (que coisa mais fora de moda!) e inova a experiência de seus participantes.

2. Espaço

O lugar é um ponto-chave dentro da experiência que os participantes terão durante seu evento. Entre as alternativas para a realização de sua festa estão salões, bares, centro de eventos, restaurantes, baladas, pubs, espaço de convenções de hotéis, chácaras, espaços abertos etc.

A dica é inovar. Um lugar diferente irá despertar a curiosidade de seus participantes e os estimularem ainda mais a comparecem ao seu evento.

3. Bebidas

De forma geral, é difícil realizar uma festa legal sem oferecer bebidas alcóolicas, esse combustível da ressaca moral, do arrependimento e da vergonha no dia seguinte.

Entretanto, é possível adotar estratégias para evitar exageros. Por exemplo, você pode liberar a bebida em volume maior apenas após o jantar ou após o discurso do presidente.

Outra estratégia é encerrar a oferta após certa hora. Desta forma, você consegue manter o controle sobre seus funcionários, além de aumentar as chances de enviá-los para casa em segurança e livres de confusões.

4. Comidas

Ao lado do aluguel do espaço e das bebidas, a alimentação é outro ponto que costuma pesar no orçamento de uma festa de fim de ano empresarial.

Basicamente, é possível optar por uma refeição completa (almoço ou jantar) ou por um serviço de buffet reduzido, com canapés, mesa de frios, snacks, sanduíches etc.

Caso queira inovar, é possível optar por um menu baseado em alguma cozinha típica, como a mexicana, por exemplo, que pode ser consumida de forma casual sem a necessidade de uma grande equipe para servir.

Baixe o kit: Planejamento, orçamento e venda de eventos

5. Familiares

Convidar ou não familiares depende de fatores como o orçamento e a cultura de sua empresa. De forma geral, a festa de fim de ano é um evento para funcionários. Entretanto, em algumas empresas, o convite é estendido para seus familiares.

Confira como foram as edições anteriores. O convite foi estendido apenas a um acompanhante ou também aos filhos? No segundo caso, será preciso pensar em atrações para entreter também as crianças, o que significa mais gastos e esforços.

6. Atrações

As atrações são outro diferencial dentro de sua festa de fim de ano. São elas que definirão o espírito de seu evento. Você pode partir escolhendo entre uma banda ou DJ, ampliando para mágicos, bartenders, grafiteiros, serviços de maquiagem, fantasia etc.

Uma alternativa para engajar os funcionários e reduzir custos é aproveitar os talentos internos. Provavelmente, sua empresa tem um programador que possui uma banda ou um executivo de contas que ataca de DJ. E eles adorarão participar de seu evento! Enfim, use a sua criatividade para encontrar soluções.

Leia também: 10 atrações tecnológicas para o público do seu evento

7. Estimule e engaje

Não adianta apenas anunciar a festa e esperar que os convidados compareçam animados. É preciso trabalhar a expectativa do time antes do evento. Para isso, utilize a comunicação interna de sua empresa, compartilhe as novidades nas redes sociais, promova concursos e sorteios. Desta forma, você desperta o interesse dos participantes ao mesmo tempo que amplia o buzz sobre o evento.

8. Atividades para integração

Não há nada mais chato em uma festa de fim de ano do que panelinhas que não se misturam. Por isso, é importante gerar atividades de integração entre os times. Promova dinâmicas que façam a integração entre os times. Ao mesmo tempo, diretores e gerentes precisam se aproximar de seus subordinados.

Uma vez que os diferentes times e pessoas interajam durante o evento, eles levarão essas conexões para dentro da empresa.

Gostou de nossas dicas? Tem alguma outra que gostaria de acrescentar? Deixe suas sugestões em nossa caixa de comentários.

Obrigado! 🙂

Está organizando o seu próximo evento? Conheça a Eventbrite!

Escrito por

Olá, seja bem-vindo(a)! Sou relações públicas e gerencio os conteúdos da Eventbrite Brasil. Aqui vocês encontrarão cases, dicas para todos os tipos de eventos, novidades sobre a empresa e o caminho para se tornarem especialistas em eventos!

Fazer comentários