Vendas terminadas

150 otimizações que você deveria conhecer - Online

Informações do evento

Compartilhar este evento

Data e hora

Amigos que vão participar
Descrição do evento

Descrição

150 otimizações que você deveria conhecer

Descrição do treinamento

Três dias de treinamento com objetivo de capacitar os profissionais de SQL Server a desenvolver e otimizar códigos T-SQL a fim de obter melhor performance e escalabilidade. Este treinamento tem foco em códigos T-SQL e irá encher sua cabeça de códigos e dicas, no total serão exibidas absurdas 150 dicas de otimização.

Uma coisa é certa, seu arsenal de otimização será elevado ao nível avançado. Você também terá disponível como referência lógica (se você lembrar) e física (o material do treinamento) o conteúdo deste treinamento.

Com aproximadamente 3 minutos por dica a pergunta que fica é: Você está preparado para essa imersão?

Duração

9 horas

Valor

R$ 400,00 reais

Data e horário

O evento será de 3 dias, dias 31 de Outubro, 1 e 2 de Novembro.

Das 19:30 as 22:30h

Público alvo

Desenvolvedores e DBAs que procuram entender melhor como suas decisões de arquitetura e programação impactam o banco de dados e o desempenho da solução. Curso voltado para aqueles que querem usar de forma eficiente os recursos do SQL Server.

Notas (LEIA AS NOTAS)

Este é uma turma ONLINE, ao vivo, ou seja, não é sob demanda, é ao vivo, alunos poderão fazer perguntas ao instrutor ao final de cada aula.

Aulas não serão gravadas, caso você perca uma aula, não terá acesso a gravação nem a reembolso proporcional.

Próximo a data do evento os alunos receberão um link com instruções para acessar as aulas.

Todo o material do treinamento será diponibilizado para download.

Para solicitação da nota fiscal entrar em contato com o palestrante via e-mail.

Não teremos intervalos, as 3 horas diárias serão initerruptas.

Existe emissão de certificado para treinamentos online? Não. O treinamento online é de curta duração e, no formato atual, sem comprovação efetiva do treinamento ou teste para avaliação do conhecimento, portanto não emitirei certificado para treinamentos online.

O conteúdo abaixo poderá sofrer pequenos ajustes, de acordo com a necessidade.

Conteúdo

Apresentação do treinamento

1. Like ‘%%’ – Fultext search
2. Fultext search – Coringa no final + reverse
3. Like ‘%%’ – Fragmentos de string
4. Scan – Removendo fragmentação
5. Scan – Ajustando fillfactor
6. Scan – Aplicando compressão de dados
7. Scan – Scan direction e paralelismo
8. Estressando uma consulta
9. Removendo lookups – Include
10. Indexando colunas calculadas
11. Intersecção de índices
12. Removendo LOB da página de dados
13. Índices filtrados
14. Índices únicos
15. Views indexadas
16. Índice cluster – único
17. Índice cluster – estático
18. Índice cluster – sequencial
19. Índice cluster – pequeno
20. Particionamento – eliminação de partição
21. Estatísticas – desatualizadas
22. Estatísticas – múltiplas colunas
23. Estatísticas – atualizando com valores falsos
24. Estatísticas – colunas ascendentes
25. Estatísticas – date correlation optimization
26. Estatísticas – faltando
27. Estatísticas – gap
28. Estatísticas – impacto em operações de rebuild
29. Seek – quem filtra, index seek ou predicate?
30. Cuidados com NULL
31. Order by é necessário
32. Pensando em sets, um exemplo
33. Validando se a tabela está vazia... o que usar?
34. Row goal – Forceseek
35. Row goal – TOP N, TOP < 100
36. Cuidado com “missing index”
37. Prefetch
38. Ordenação – indexando para remover sort
39. Ordenação – utilizando “optimize for” para evitar spill
40. Ordenação – utilizando CONVERT para evitar spill
41. Ordenação – utilizando “min memory per query” para evitar spill
42. Ordenação – utilizando “resource governor” para evitar spill
43. Ordenação – evitando resource_semaphore
44. Ordenação – disco HDD, performance do tempdb
45. Ordenação – disco HDD, múltiplos arquivos do tempdb
46. Ordenação – disco HDD, múltiplos arquivos do tempdb, parâmetro -E
47. Ordenação – disco SSD, performance do tempdb
48. Ordenação – disco SSD, múltiplos arquivos do tempdb
49. Evitando HP – functions + schemabinding
50. Evitando HP – evitando spool
51. Otimizando algoritmo de merge join
52. Minimizando tempo de compilação – Merge interval bug
53. Filtros dinâmicos, utilizando “parameter embedding optimization”
54. “Parameter embedding optimization” – limitação com variável
55. Stream aggregate e compute scalar – Otimizando agregação
56. Union all VS Union
57. Erro com ISNULL(ColunaQueNãoAceitaNULL) + colunas calculadas
58. Problemas com “auto create statistics”
59. Conversões implícitas
60. Collate CI AI ou CS AS
61. Filtros – Iniciando com ‘F’
62. Filtros – Removendo hora da data
63. Evitando recompilações
64. Bushy plans
65. Hash e order group hints
66. Wide e narrow plans
67. Planos de execução com “time out” na criação, TF8780
68. Planos bons o suficiente
69. Agregações de vetor e agregações escalares
70. Minimizando compilação de queries ad-hoc com plan guides
71. Criando índices hipotéticos
72. Select into em paralelo
73. Split de string
74. Gerando uma string delimitada
75. Convertendo scalar function em inline function
76. Contando a quantidade de caracteres em uma string
77. Identificando linhas duplicadas
78. Identificando ilhas
79. Identificando gaps
80. Lendo valor da linha anterior
81. Lendo valor da linha posterior
82. Identificando valores faltando
83. Retornando “running aggregations”
84. Transformando linhas em colunas dinamicamente
85. Qual impacto de sp*
86. Qual impacto de set no count
87. Parameter sniffing
88. SET ou SELECT?
89. Cuidados com SQL Injection
90. Cuidados com nolock – leituras sujas
91. Cuidados com nolock – lendo mesma linha mais de uma vez
92. Cuidados com nolock – pulando linhas
93. Aplicação, parametrizando corretamente – evitando cachebloat
94. Ignorando linhas duplicadas
95. Índices únicos com vários valores NULL96. Variáveis locais ou parâmetros de entrada
97. Count(1) ou Count (*)?
98. Join ou SubQuery?
99. Ordem da escrita do join, importa?
100. Distinct ou group by?
101. TOP 1 ORDER BY DESC ou MAX?
102. Not In ou Not Exists?
103. Variáveis do mesmo tipo da coluna
104. Seek é sempre melhor que Scan?
105. Cuidado, case + subqueries
106. Otimizando COUNT (DISTINCT...)
107. TOP com empate
108. Otimizando cursores
109. Subqueries ou Cross/Outer apply?
110. Otimizando inserções – SELECT INTO
111. Otimizando inserções – INSERT SELECT
112. Retornando a quantidade de linhas de uma tabela
113. Removendo grande massa de dados
114. Expurgo de forma eficiente
115. Simulando ambiente de produção em desenvolvimento
116. Cuidados com performance das funções de janela
117. Utilizando SET STATISTICS IO, cuidado com funções
118. Check constraints e sua relação com performance
119. Foreign keys e sua relação com performance
120. Quebrando queries complexas
121. Escrevendo códigos dinâmicos com eficiência
122. Reescrevendo OUTER JOINS complexos
123. Evitando contenção de alocação de objetos no tempdb
124. Utilizando clausula output
125. CTE para evitar múltiplo acesso a functions
126. Importância do cache plan
127. Desnormalizando para obter performance
128. Otimizando queries utilizando linked server
129. Utilizando variáveis do tipo tabela com eficiência
130. Escrevendo consultas recursivas
131. Cuidados com residual predicates
132. XML – Índices seletivos
133. Cuidados com ISNUMERIC
134. Utilizando tabela numérica auxiliar
135. Retornando maior valor de várias colunas
136. Ignorando todos os inserts
137. Escondendo códigos do DBA
138. Paginação, como fazer?
139. Tabela de sequencia + identity vs sequence
140. Cuidado com gaps em identity (SQL2012)
141. Batch ou vários inserts únicos?
142. Force order
143. Quando posso forçar algoritmo de join?
144. WITH ENCRYPTION não funciona... nem perca tempo
145. Prefira um “between” a “IN”
146. Um range scan é melhor que vários seeks
147. Debug tupiniquim com RAISERROR WITH NOWAIT
148. IF condição AND condição ou IF condição IF condição?
149. Processamento em paralelo no SQL (multi threads com CLR)
150. Forçando paralelismo

Pré-requisitos

O aluno já deve ter contato com o SQL Server enquanto desenvolvedor e saber escrever consultas T-SQL. É desejável conhecimento da plataforma de desenvolvimento da Microsoft (.NET).

Etiquetas
Compartilhar com amigos

Data e hora

Salvar este evento

Evento salvo