Gestão de Remuneração, Carreiras e Competências em Empresas de Tecnologia

Ações e painel de detalhes

Vendas terminadas

Informações do evento

Compartilhar este evento

Data e hora

Localização

Localização

Evento on-line

Descrição do evento
Qual deve ser o papel do RH em empresas de tecnologia? Como fazer a gestão de remuneração, carreiras e competências dos profissionais de TI?

Sobre este evento

Curso online via plataforma zoom com vagas limitadas (oito).

21 horas de curso, sendo 15 horas/aula e 3 horas de mentoria.

6 aulas de 2,5 horas (2 x por semana).

Datas: 15/06. 17/06, 22/06, 24/06, 29/06 e 01/07.

Horário das aulas: 18h30 às 21h00.

Horas de mentoria: livres, a combinar com facilitador do curso.

Melhor conteúdo e qualidade. Investimento justo.

Apresentação

A natureza do trabalho está evoluindo rapidamente. Todos somos solicitados a adotar novos comportamentos: ser mais inovadores, mais ágeis, colaborativos, mais tudo!

Os últimos tempos trouxeram uma avalanche de mudanças para as áreas de RH das empresas de tecnologia. A ascensão da transformação digital. A busca competitiva por profissionais qualificados. A necessidade de criação de planos de retenção eficazes. O crescimento de outras formas de trabalho. E mais recentemente, uma pandemia global que alterou a realidade de milhões e redefiniu onde e como o trabalho é feito.

As empresas de tecnologia são o catalisador para mudanças em todas as indústrias e setores. Suas inovações alteram negócios e conectam pessoas. Os negócios hoje são tudo, menos normais. Há um sentido de urgência que exige um olhar para a realidade por meio de uma nova lente.

Isso reforça a questão: qual deve ser o papel do RH em empresas de tecnologia, sobretudo nas questões de remuneração, competências e carreiras?

Neste curso procuraremos vislumbrar tendências para as áreas de remuneração, competências e carreiras que contribuam para impulsionar as transformações necessárias e moldar o futuro do trabalho.

O que você vai ver

Quer você seja um profissional de remuneração ou integre uma equipe de recursos humanos em empresas de tecnologia, com este programa você desenvolverá e ampliará as suas habilidades para propor e implementar estratégias de remuneração. Ao aprender ou revisitar os conceitos e estudos práticos apresentados você se renovará, tornando-se um profissional ou líder, ainda, mais influente e eficaz para conduzir a sua organização a melhores resultados.

Módulos

1. Cenários para as empresas de tecnologia

Em um período de grandes desafios, mais empresas aderem à ideia de que toda empresa é uma empresa de tecnologia. Estratégias de negócio e estratégias tecnológicas estão se tornando inseparáveis.

2. Mercado de trabalho

Em 2021 e nos próximos anos, haverá maior disputa por profissionais qualificados frente à demanda e escassez. Espera-se mais um “boom” pós-vacina. Há projeções que sugerem que o mercado global de profissionais irá saltar de 41 milhões atuais para 190 milhões em 2025.

3. Força de trabalho

A pandemia e a era digital ampliaram os desafios da força de trabalho em empresas de tecnologia. Novas formas e locais de trabalho. Novos conhecimentos e competências. Tudo novo!

4. Rh na era digital e rh ágil

A era digital está se movendo rapidamente, transformando a forma como as empresas operam. Juntamente com o rh ágil, desafia a abordagem tradicional das práticas de recursos humanos.

5. O colaborador como protagonista das relações de trabalho

O EVP (employee value proposition) é um ecossistema de reconhecimento que a empresa oferece. Ele é o núcleo duro do employeer branding (imagem da marca empregadora). DHOs e HRBPs apoiam a cocriação de projetos que geram valor à força de trabalho.

6. Cultura organizacional e remuneração

A cultura organizacional vem recebendo mais atenção das empresas. Quando alinhada com o design de um sistema de remuneração, podem funcionar como elementos complementares. A cultura é o fio condutor entre a empresa e a sua força de trabalho.

7. Arquitetura de Cargos

Novos cargos estão emergindo em função das transformações digitais e do avanço das tecnologias, sinalizando para o futuro do trabalho. Vamos conhecê-los e abordar uma nova forma de elaborar uma job description, por meio da análise das habilidades e do mindset necessários e da complexidade das tecnologias e linguagens de programação utilizadas.

8. Construção de Arquiteturas de Remuneração

Para atrair e reter profissionais, as empresas de tecnologia estão se concentrando na construção de uma marca empregadora. Isso inclui uma abordagem estratégica e ágil à remuneração. Sistemas clássicos (pontos), sistemas por competências e por habilidades, sistemas mais ágeis, market princing e plataformas de total reward, estão no radar.

9. Competências

Um framewok de competências é um modelo que busca descrever a excelência de desempenho em uma empresa. A sua estrutura está vinculada ao conjunto de competências e seus indicadores mapeados pela empresa. Hoje, a aplicação de modelos de competências está mais alinhada com os processos de seleção e gestão de desempenho.

10. Mudanças na dinâmica de gestão de pessoas em empresas de tecnologia

Home office, trabalho remoto, teletrabalho, anywhere office, trabalho híbrido, juntamente com trabalho flexível, são formas de trabalho que as empresas estão adotando, cada vez mais, para superar as dificuldades atuais. Novas formas de contratação decorrentes da gig economy e força de trabalho líquida, também, estão em alta.

11. KPIs e OKRs

OKR e KPI são daquelas siglas que todo mundo fala, mas pouca gente explica. KPIs são usados para avaliar o desempenho da empresa. OKRs focam em criar mudanças sustentáveis no desempenho. Os KPIs são determinantes na construção de programas de participação nos resultados e remuneração variável.

12. Remuneração variável e participação nos resultados

A remuneração variável é um dos principais motores das relações de trabalho. Embora o seu modelo e extensão varie entre empresas, ela está ligada ao atingimento ou superação de objetivos chave. Há uma tendência de aumento progressivo da remuneração variável sobre o salário base da força de trabalho. Incentivos de curto prazo e longo prazo formam a plataforma da remuneração variável.

13. Gestão de carreiras em empresas de tecnologia

Atrair e reter os melhores profissionais é a chave para o sucesso. Ao construir frameworks de carreira e famílias de cargos, as empresas elaboram planos de carreira atraentes, aumentando a capacidade de retenção. O mapeamento de carreiras sinaliza os caminhos e requisitos para a progressão da força de trabalho.

14. Uma perspectiva pessoal na gestão de carreiras

Carreiras proteanas. Carreiras sem fronteira.

Informações

E-mail: contato@gaidegestao.com.br

Whatsapp: 11 99906-6254

Compartilhar com amigos

Data e hora

Localização

Evento on-line

Organizador GAIDE Conhecimento e Trabalho

Organizador de Gestão de Remuneração, Carreiras e Competências em Empresas de Tecnologia

“COMPARTILHAMENTO DO CONHECIMENTO E TRABALHO COLABORATIVO”

Sediada em São Paulo, nossa visão é ser uma empresa de vanguarda nas áreas de treinamento e desenvolvimento. Concebida a partir das ideias de compartilhamento do conhecimento e trabalho colaborativo, temos como missão ajudar as organizações e profissionais a aumentar o seu nível de performance.

Oferecemos programas e conteúdos educacionais com foco no emergente e no futuro e que possam contribuir para que as organizações obtenham o máximo valor dos seus processos de gestão e de negócios.

Mais do que transmitir conhecimento, queremos inspirar pessoas!

Salvar este evento

Evento salvo