Vendas terminadas

Relevantes Teses tributárias

Informações do evento

Compartilhar este evento

Data e hora

Localização

Localização

Mercure Moema

Av. Lavandisca, 365

São Paulo, SP

Brazil

Ver mapa

Amigos que vão participar
Descrição do evento

Descrição

Relevantes Teses tributárias

Importante Instrumento para Enfrentamento da Crise !
São Paulo, 18 de Maio de 2017
Objetivo: apresentar os mais destacados questionamentos tributáriossubmetidos à apreciação do Judiciário bem como pronunciamentos do CARF que impactam a redução dos custos para as empresas melhorando a sua competitividade em época de crise econômica.
Público: empresários, advogados, gerentes tributários, auditores, contadores, administradores, consultores, controllers e demais interessados no assunto.
Conteúdo Programático
01. INTRODUÇÃO
- Vale a pena apostar em teses tributárias?
- Cenário de teses pendentes no STF
- Perfil dos Tribunais administrativos
- Como vem decidindo o STJ
- Postura do STF diante das questões tributárias
02. TESES EM FOCO
a) Imposto de Renda/CSLL
- Lucro das coligadas e controladas
- Contabilização de créditos de ICMS como custo
- Dedutibilidade doPAT - Limitação
- Não incidência do IRRF nos Mútuos entre Empresas Ligadas
b) Pis/Cofins
- Exclusão do ICMS da base de cálculo: passado/futuro
- Exclusão do ISS da base de cálculo - impasse do STJ
- As contribuições sobre receitas operacionais
- Vendas à Zona Franca de Manaus
- Não-incidência sobre JCP (lucro presumido)
- Natureza jurídica do JCP - receita financeira ou dividendo?
- Não cumulatividade- conceito constitucional de "insumo"
- Inconstitucionalidade do “Adicional de Alíquota” da COFINS
- Cessão onerosa de créditos de ICMS x receitas
- Restabelecimento da cobrança sobre receitas financeira
- Vendas inadimplidas - Julgamento do RE 586482/RS
- Nova ação contra ICMS no cálculo do PIS/Cofins-STJ-2016
c) ICMS/IPI
- Isenção de ICMS em remessas para ZFM
- Manutenção de créditos de ICMS - ZFM
- IPI sobre descontos incondicionais
- TJSP anula AIIM que glosou créditos de ICMS de produtos intermediários
- Crédito de IPI x saídas imunes
- Não incidência de IPI sobre valor do frete
- Bonificações/descontos - exclusão da BC do IPI
- Isenção de IPI não gera crédito tributário reafirma STF (RG)
- Aquisição de produtos não-tributados não gera crédito de IPI - STJ
- Crédito de ICMS - comerciante de boa-fé
- Não-Incidência de ICMS - importação via leasing
- ICMS: Operações com cartão de crédito próprio (STF)
- Justiça veda compensação de ofício pela RF
- Adicional de ICMS para FCP é inconstitucional
- Crédito na aquisição de ativo necessário ao atendimento do objeto social
d) Contribuição Previdenciária
- Participação nos lucros da sociedade
- Verbas pagas aos trabalhadores
- Não incidência “vale transporte" e "vale alimentação"pagos em dinheiro
- Cálculo da contribuição ao SAT por estabelecimento
- Retenção - Serviços que não envolvam subordinação
- Exclusão de Pis/Cofins da base de cálculo
- Exclusão do ICMS da BC da contribuição patronal (CPRB)
e) I S S Q N
- Inconstitucionalidade da exigência do ISS sobre contratos de franquia.
- Na industrialização sob encomenda é devido o ISS (STJ)
- STF derruba lei que reduzia base de cálculo do ISS.
f) Pronunciamentos do CARF
- Debêntures adquiridos por sócios configura DDL
- Subvenção de investimento não integra BC do Pis/Cofins
- Planejamento tributário é um direito e um dever do contribuinte
- Cisão justificável não pode ser considerada simulação
- Redirecionamento da execução fiscal aos sócios - prazo prescricional
- Recuperação dos custos de fiança (Execução Fiscal improcedente)
- Pedidos de compensação negados - não aplicação de multa de 50%
- Multa isolada - repercussão geral
- Indisponibilidade de bens em execução fiscal - requisitos - STJ
- STF autoria o Fisco acessar dados bancários sem medida judicial
- TRF isenta de IR precatório adquirido com deságio
- Liminar contra tributo inconstitucional não beneficia filial automaticamente
- STF definirá os limites da coisa julgada em matéria tributária
- STJ afasta a denúncia espontânea se realizada por depósito judicial
Palestrante:
SIDNEY D"AGÁZIO: Bacharel em Direito e Contabilista; Especialista em Direito Tributário pelo IBET/USP; ex-auditor fiscal; membro do Instituto Brasileiro de Direito Tributário (IBDT); Professor de cursos de extensão profissional há mais de vinte anos, atuando como instrutor do Grupo IOB-Folhamatic, Lex Cursos Jurídicos e outras; Palestrante de relevantes temas tributários com apresentações nas principais capitais do País; Consultor de empresas em São Paulo; Autor do Livro: "Como Atender o Fiscal de Tributos".
Informações Úteis:
Data: 18 de Maio de 2017
Local: Mercure Moema. Av. Lavandisca, 365
Investimento: R$1990,00.
Condição Especial para inscrições recebidas até o dia 04 de Maio de 2017: R$1790,00 (um mil, setecentos e noventa reais)
Estão inclusos custos de material, almoço, coffee break, certificados e estacionamento.

Importante Instrumento para Enfrentamento da Crise !

São Paulo, 18 de Maio de 2017

Objetivo: apresentar os mais destacados questionamentos tributáriossubmetidos à apreciação do Judiciário bem como pronunciamentos do CARF que impactam a redução dos custos para as empresas melhorando a sua competitividade em época de crise econômica.

Público: empresários, advogados, gerentes tributários, auditores, contadores, administradores, consultores, controllers e demais interessados no assunto.

Conteúdo Programático

01. INTRODUÇÃO

- Vale a pena apostar em teses tributárias?

- Cenário de teses pendentes no STF

- Perfil dos Tribunais administrativos

- Como vem decidindo o STJ

- Postura do STF diante das questões tributárias

02. TESES EM FOCO

a) Imposto de Renda/CSLL

- Lucro das coligadas e controladas

- Contabilização de créditos de ICMS como custo

- Dedutibilidade doPAT - Limitação

- Não incidência do IRRF nos Mútuos entre Empresas Ligadas

b) Pis/Cofins

- Exclusão do ICMS da base de cálculo: passado/futuro

- Exclusão do ISS da base de cálculo - impasse do STJ

- As contribuições sobre receitas operacionais

- Vendas à Zona Franca de Manaus

- Não-incidência sobre JCP (lucro presumido)

- Natureza jurídica do JCP - receita financeira ou dividendo?

- Não cumulatividade- conceito constitucional de "insumo"

- Inconstitucionalidade do “Adicional de Alíquota” da COFINS

- Cessão onerosa de créditos de ICMS x receitas

- Restabelecimento da cobrança sobre receitas financeira

- Vendas inadimplidas - Julgamento do RE 586482/RS

- Nova ação contra ICMS no cálculo do PIS/Cofins-STJ-2016

c) ICMS/IPI

- Isenção de ICMS em remessas para ZFM

- Manutenção de créditos de ICMS - ZFM

- IPI sobre descontos incondicionais

- TJSP anula AIIM que glosou créditos de ICMS de produtos intermediários

- Crédito de IPI x saídas imunes

- Não incidência de IPI sobre valor do frete

- Bonificações/descontos - exclusão da BC do IPI

- Isenção de IPI não gera crédito tributário reafirma STF (RG)

- Aquisição de produtos não-tributados não gera crédito de IPI - STJ

- Crédito de ICMS - comerciante de boa-fé

- Não-Incidência de ICMS - importação via leasing

- ICMS: Operações com cartão de crédito próprio (STF)

- Justiça veda compensação de ofício pela RF

- Adicional de ICMS para FCP é inconstitucional

- Crédito na aquisição de ativo necessário ao atendimento do objeto social

d) Contribuição Previdenciária

- Participação nos lucros da sociedade

- Verbas pagas aos trabalhadores

- Não incidência “vale transporte" e "vale alimentação"pagos em dinheiro

- Cálculo da contribuição ao SAT por estabelecimento

- Retenção - Serviços que não envolvam subordinação

- Exclusão de Pis/Cofins da base de cálculo

- Exclusão do ICMS da BC da contribuição patronal (CPRB)

e) I S S Q N

- Inconstitucionalidade da exigência do ISS sobre contratos de franquia.

- Na industrialização sob encomenda é devido o ISS (STJ)

- STF derruba lei que reduzia base de cálculo do ISS.

f) Pronunciamentos do CARF

- Debêntures adquiridos por sócios configura DDL

- Subvenção de investimento não integra BC do Pis/Cofins

- Planejamento tributário é um direito e um dever do contribuinte

- Cisão justificável não pode ser considerada simulação

- Redirecionamento da execução fiscal aos sócios - prazo prescricional

- Recuperação dos custos de fiança (Execução Fiscal improcedente)

- Pedidos de compensação negados - não aplicação de multa de 50%

- Multa isolada - repercussão geral

- Indisponibilidade de bens em execução fiscal - requisitos - STJ

- STF autoria o Fisco acessar dados bancários sem medida judicial

- TRF isenta de IR precatório adquirido com deságio

- Liminar contra tributo inconstitucional não beneficia filial automaticamente

- STF definirá os limites da coisa julgada em matéria tributária

- STJ afasta a denúncia espontânea se realizada por depósito judicial

Palestrante:

SIDNEY D"AGÁZIO: Bacharel em Direito e Contabilista; Especialista em Direito Tributário pelo IBET/USP; ex-auditor fiscal; membro do Instituto Brasileiro de Direito Tributário (IBDT); Professor de cursos de extensão profissional há mais de vinte anos, atuando como instrutor do Grupo IOB-Folhamatic, Lex Cursos Jurídicos e outras; Palestrante de relevantes temas tributários com apresentações nas principais capitais do País; Consultor de empresas em São Paulo; Autor do Livro: "Como Atender o Fiscal de Tributos".

Informações Úteis:

Data: 18 de Maio de 2017

Local: Mercure Moema. Av. Lavandisca, 365

Investimento: R$1990,00.

Condição Especial para inscrições recebidas até o dia 04 de Maio de 2017: R$1790,00 (um mil, setecentos e noventa reais)

Estão inclusos custos de material, almoço, coffee break, certificados e estacionamento.



Leia mais: http://www.propagartraining.com.br/agenda/detalhes/relevantes-teses-tributarias/

Compartilhar com amigos

Data e hora

Localização

Mercure Moema

Av. Lavandisca, 365

São Paulo, SP

Brazil

Ver mapa

Salvar este evento

Evento salvo