Gratuito

Thiago Alves TRIO - "Queremos Jazz" festival

Informações do evento

Compartilhar este evento

Data e hora

Localização

Localização

Inccas - "Andar de Baixo"

Nova Cantareira 3894

Tucuruvi

São Paulo, SP 02340001

Brazil

Ver mapa

Amigos que vão participar
Descrição do evento

Descrição

O "Queremos Jazz" festival, no seu terceiro show, com o Thiago Alves TRIO

No "Andar de Baixo" ás 19h00 - Av. Nova Cantareira 3894

Couvert artístico: R$ 15,00 (maiores de 12 anos)


Thiago Alves - Contrabaixo acústico

Alexandre Mihanovich - Guitarra

Bob Wyatt - Bateria

THIAGO ALVES - Contrabaixista paulistano, iniciou seus estudos na antiga Universidade Livre de Música (ULM). Tocou na Orquestra Jovem Tom Jobim, SoundScape Big Band, Bissamblazz Essemble e Banda Jazz Sinfônica de Diadema. Acompanhou grandes nomes da MPB, tais como: Elza Soares, Dominguinhos, Zé Luiz Mazziotti, Claudette Soares, Alaíde Costa, Jane Duboc, Fátima Guedes e Wilson das Neves. Atualmente integra Alexandre Mihanovich Quinteto, Hector Costita Quarteto, Paulo Malheiros Noneto e o Sambossa 5, além de estar sempre presente em formações instrumentais na noite paulistana. Acompanha a renomada cantora de jazz Sara Chrétien e o cantor e compositor Diogo Poças. É um dos líderes da Reteté Big Band, onde também atua como contrabaixista, arranjador e produtor. Está em fase de preparação do seu primeiro disco.

Influências

Luizão Maiia, Lito Robledo, Arismar do Espírito Santo, Abraham Laboriel, Jaco Pastorius, Paul Chambers, Ron Carter, Ray Brown, Ray Drummond...


ALEXANDRE MIHANOVICH - Alexandre iniciou seus estudos no Clam, escola fundada pelo Zimbo Trio nos anos 70. Estudou também música clássica com o novaiorquino Thomas Lawrence Toscano. Tido por muitos como um dos melhores guitarristas de jazz da cidade, Alexandre é também arranjador, produtor e compositor. Já fez arranjos para a Jazz Sinfônica, para a Banda Sinfônica, para a OSESP e para a L´Orquestra Polifonica Siciliana (Sicília), além de diversas big bands de SP. Vem trabalhando com uma série de instrumentistas como Lito Robledo, Arismar do espírito Santo, Vinícius Dorim, Nailor Proveta, Walmir Gil, Raul de Souza, Magno Bissoli, Hector Costita, Bob Wyatt, Eliane Elias, Randy Brecker, Michel Leme, Djalma Lima, entre outros.


BOB WYATT - Dos nove aos doze anos, Bob estudou as técnicas de caixa e de leitura rítmica com Robert C. Kennick, músico da Orquestra Sinfônica de Baltimore (EUA). Depois, estudei bateria com Chuck Memphis, do conservatório Peabody, em Baltimore. Aprendi as técnicas e a arte de tocar bigband com Mike Shepherd, na escola de música das forças armadas dos EUA. Bob Wyatt se recorda com exatidão dos métodos e livros que utilizou em sua formação. O primeiro método era do Haskell W. Harr. Depois, estudei nos livros de Benjamin Podemski e Moris Goldenberg. Bob cita, também, como métodos de sua formação, Independence for the Modern Drummer, de Jim Chapin (Ed. Warner); Finger Control (Warner Bros. Pubns, 2000), de Ray Burns & Lewis Malen; Four Way Coordination, de Dahlgren and Elliot Fin (Enry Odlen Inc, Publication); New Directions in Rhythm, de Joe Morello (Modern Drummer Publications, Inc.) e Stick Control & Accents and Rebounds, de George L. Stone, (Stone Publications). Mesmo reconhecendo a importância dos livros em sua formação musical, Bob valoriza ainda mais os relacionamentos que teve com seus professores Chuck Memphis e Mike Shepherd e com músicos mais experientes com quem tocou. Aprendi a pensar e a me comportar como profissional.

Influências

Dos músicos com quem conviveu, Bob destaca três e explica por que: Com Chuck Memphis aprendi o valor de ser o músico mais completo possível; com Mike Shepherd aprendi como tocar com swing e com Maynard Ferguson aprendi a procurar excelência e consistência.





INFORMAÇÕES IMPORTANTES:


- O "Andar de Baixo" tem 120* lugares (67 lugares sentados) e por uma questão de gestão, segurança e para o melhor acolhimento de todos, solicitamos aos interessados em participar nos eventos, que façam a sua inscrição e credenciamento prévio no site (www.escoladearte.com.br), pelo EVENTBRITE, ou aplicativo similar que seja utilizado para o efeito. Esse processo vai também agilizar a sua entrada no evento, mediante a apresentação do ingresso no local (em papel, ou no aplicativo do seu celular ou tablet), sem necessidade de fazer o credenciamento naquele momento.
- O "Andar de Baixo" recorre normalmente ao couvert artístico que é 100% repassado para os artistas e cujo valor pode variar de evento para evento, em função do número de artistas em palco. Recomendamos que tome conhecimento prévio do valor que será praticado para cada evento e que está devidamente assinalado no material de divugação e no local.
- Por razões exclusivamente relacionadas com o tipo de acesso ao "Andar de Baixo", o mesmo não é indicado para pessoas portadoras de deficiência física, ou como dificuldade de locomoção.
- O "Andar de Baixo" oferece um cardápio de comida e bebidas, sem obrigatoriedade de consumo mínimo.
- Em caso de dúvidas, ou necessidade de esclarecimentos, por favor entre em contato.

* dos 120 lugares disponíveis, 20 são reservados para os Amigos do INCCAS (os primeiros 20 que se inscreverem no evento).
Compartilhar com amigos

Data e hora

Localização

Inccas - "Andar de Baixo"

Nova Cantareira 3894

Tucuruvi

São Paulo, SP 02340001

Brazil

Ver mapa

Salvar este evento

Evento salvo